Gold no Canadá...

segunda-feira, outubro 08, 2007

Chloe... a cadela sem amor à vida



Amigos,

Como acho que já citei anteriormente, nesta segunda-feira é feriado do dia de ação de graças aqui no Canadá. Sendo assim, temos um final de semana prolongado, e já tive até um jantar de ação de graças no sábado, que foi delicioso e com amigos especiais.

E este mesmo sábado, foi um dia meio friozinho no qual chuveu a maior parte do dia, sendo assim, Chloe e eu passamos a maior parte do dia dentro de casa. Eu saí para resolver algumas coisas mas ela ficou aqui.

E para compensar esta falta de convívio social da Chloe, hoje resolvi fazer uma caminhada mais longa do que o normal, porque amanheceu um lindo dia, friozinho ainda, mas o céu estava azul, os pássaros cantando, Chloe reestabelecendo todos os seus contatos sociais (porque ela conhece mais cachorros do que eu conheço gente aqui...)e quando a vi brincando com um Poodle gigante branco, não sabia que o bendito poodle era má influência. Sabe aquele amigo do seu filho que quando vai embora, você sutilmente diz para seu filho: nunca mais quero este menino aqui? Pois é: é este poodle... a Chloe nunca mais brinca com ele, pelo menos enquanto estiver passeando comigo.

Todos estavam brincando, felizes, perto do rio, quando de repente o poodle resolve que seria divertido pular dentro do rio e a cachorrada que estava brincando com ele toda concordou e pulou atrás, Chloe incluída.

Sabem aquela cena de filme de ação em slow-motion? Aquela coisa que a gente vê acontecer, quer impedir e não tem como? Pois é. Foi assim.

Quando dei por mim, aquela cadela (a Chloe) já tava dentro do Rio e com lama até o peito. Eu juro que foi a primeira vez na minha vida que tive uma visão da minha pacífica pessoa esganando um cachorro.


Chamo a cadela, ela vem toda feliz, e achando que estava pouco, ela pula em mim e suja a minha única calça quente o bastante para sair sem nada mais do que cueca por baixo, isso tudo só vem completar minha felicidade com ela.

Ao chegar em casa, estou com tanto ódio de ter que dar banho nela, num dia frio, que coloco ela no fundo da casa até arrumar as coisas e quando subo para arrumar o banheiro tenho a grata surpresa de ver que o secador de cabelo que tem aqui, só tem entrada australiana, que não serve no Canadá e que não tem nenhum adaptador, fato este que me impediu de dar banho na cadela na hora em que eu queria e quando cheguei neste ponto eu pensei: quer saber? Tô mais nem aí... vai ficar suja mesmo até eu arrumar um secador.

Ligo para uma amiga que tá vindo para cá e peço para me trazer o secador de cabelo dela e ao chegar ela já me entrega o bendito. Dou banho na Chloe, seco a bendita e agora estou morrendo de dor nas costas de tanto que tive que ficar abaixado, mas tudo bem, meu consolo é o que o poodle marginal (e má influência) era branco. Tenho certeza que o dono dele vai ter no mínimo 3 vezes mais trabalho que eu...

Abraços a todos e ótima semana, ah e feliz dia de ação de graças :),

8 Comments:

  • hehehehehehehe, muito boa historia! Adoro caes, mas sei q quando querem aprontar nao tem jeito. Mas pelo q vc falou no outro post (ela ser tranquila), acho deve ter sido so um momento de loucura, ou ma influencia mesmo! Abracos, Gleison. ps: morrendo de rir aqui!! ganhei meu dia ...

    By Anonymous Anônimo, at 1:35 PM  

  • Hauhauhauhauhau...me acabei de rir aqui, eles dão trabalho mas nos divertem também.
    Um abraço.

    By Blogger Gleice Kelly, at 4:00 PM  

  • caramba Goldman,

    morremos de rir dessa sua estória :)

    Um grande abraço,

    Alexandre e Valéria

    PS: Quando é que vc vem por aqui denovo?
    Dê notícias!

    By Blogger Alexandre, at 9:34 PM  

  • Gosto de cachorros, mas vou te contar um segredo: ODEIO dar banho em cachorro! Entendo direitinho a sua dor nas costas. Mas agora, vc deve estar dando umas boas risadas...como nós! hehehehe

    Abraço!

    By Blogger Flavielle Martins, at 7:23 AM  

  • Hahahahahahahaha!!!
    Beijo, T+

    By Blogger Ual, at 8:26 AM  

  • Olá Gold!

    Quando vc fizer um ano de Canadá pode escrever um livro com todas essas aventuras!
    Estamos com muitas saudades.
    Beijos
    Célia

    By Anonymous Anônimo, at 4:44 PM  

  • AHH! Gostei da história da Chloe. E aih Goldman, qto tempo! Bom resolvemos conhecer algumas cidades em torno de Montreal enquanto o curso naum comeca. No dia 18 ou 19 vamos pra aih te visitar. Serah vc podia nos dah uma dica de um hotel em conta por aih. Ateh mais!
    bises

    By Blogger Carol Melo, at 6:33 PM  

  • Gold! Meu querido!
    Que aventura com a Chloe, huh!?
    Très bizarre, n'est ce pas!
    Obrigado pela mensagem sobre o acontecido comigo e minha família. Foi um momento difícil, mas a gente precisa ser forte e seguir em frente.
    Precisamos nos reencontrar para colocar as conversas da grande comunidade de brasileiros de Ottawa/Gatineau em dia.
    Um abraço,
    Eduardo

    By Blogger Gi, Edu e Gabi, at 8:04 PM  

Postar um comentário

<< Home